quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

8 razões pra dormir com um baterista

Como esposa de baterista, assim que vi este post no site MediaDecay não resisti e tive que traduzir...
Achei legal exaltar as qualidades dos rapazes que ficam lá, escondidos atrás daquela floresta de estantes, pratos e tambores.
O autordo artigo original, Jason, é um supervisor de roteiro para cinema e televisão, bem como baterista. Ele é nova-iorquino vivendo atualmente no Brooklyn.
Esta post foi originalmente publicado em http://www.mediadecay.com/2009/11/8-reasons-why-you-should-sleep-with-the-drummer/ em uma quarta-feira, 11 de novembro, 2009 às 01:06 e arquivado em: Música, Outros.



Este post está sendo redigido por um homem com H e apenas para facilitar o ato de escrever eu só vou usar descritores homem / mulher mas na verdade isso deve aplicar-se a qualquer tipo de casal. Além disso, este é um tipo diferente de post do usual para MediaDecay, mas achamos que colocar ocasionalmente um post off-topic é divertido.

Então aqui está a situação: Você está em uma casa noturna (de rock, e não um lugar ridículo que só toca techno) e você está assistindo a uma banda. Eles são bons e você está realmente envolvida pela música. E vejam, você está solteira e há algumas pessoas atraentes na banda. Seus olhos se movem ao redor do palco e você estuda cada membro com atenção. Primeiro, tem o cantor. Ele é uma escolha óbvia. Está na frente, é emocional, suas letras tocam um lugar profundo em você. Então passa para o guitarrista. Outra opção fácil. Você vê como ele domina os acordes.  Dedilhando sua dor com os dedos. Você sabe, o de sempre. Agora, seus olhos deslizam para o baixista. Ele provavelmente fede. Brincadeira. Eu realmente não tinha nada para escrever sobre um baixista. Finalmente você segue para o baterista, parcialmente escondido atrás de uma infinidade de tambores e pratos. Ele está tocando um bom groove, mas ele é o baterista. Além disso, ele parece muito suado lá atrás.

Então, por que você deveria iniciar uma conversa com ele depois do show? Por que de todos esses possíveis encontros de uma noite ou possíveis futuros namorados você escolheria o baterista? Eu vou te dar 8 razões. Por que 8? Porque eu acho que sim. OK, vamos continuar com as insinuações!

Ritmo - Bateristas podem manter um ritmo constante por períodos prolongados de tempo. E eles podem fazer mudanças sutis, mas importantes para o ritmo no comando. O que significa que pode continuar fazendo o que você quer fazer e fazer uma transição quase imperceptível para outra coisa que você pode gostar mais.

Vigor - É muito difícil segurar uma batida forte por um longo período de tempo. Essa é a razão para o suor (também as luzes do palco). Bateristas precisam treinar seu corpo e mente para se manterem na música, não importa o quão desgastante possa ser. Este treinamento pode ser facilmente transferido para atividades fora do palco.

Corpo - OK, obviamente, nem todo baterista se encaixa em tudo nesta lista, e há uma tonelada de caras gordos com sobrepeso atrás do kit, mas há também uma tonelada de nós que são realmente muito bem construídos. Embora não como você pensa. Trabalhamos toneladas de músculos diferentes ao tocar, desde dedos até ombros e braços até as nossas pernas. Além disso, quando não estamos tocando, normalmente estamos carregando algum equipamento bem pesado, então fazemos um monte de exercício. Se aquele baterista não parece ter músculos enormes, é porque está mais tonificado e magro do que grande e volumoso. Não acredita em mim? Vai lá e "acidentalmente" pegue um de seus braços.

Ritmo - Bateristas podem manter um ritmo constante por períodos prolongados de tempo.

E Destreza - Este meio que combina com o anterior. Se você procura isso em um potencial companheiro com baquetas, pode parar. Todo bom baterista está constantemente fazendo pequenos ajustes com os dedos, a fim de alterar os sons.

Emoção - Você sabe que o guitarrista estava tocando-a com os dedos e o cantor estava cantando sua vida com suas palavras? Bem, bateristas são artistas também e há muito mais numa uma boa parte da bateria do que simplesmente espancar com força bruta. Tem a dinâmica e a habilidade de sentir o fluxo da canção através de si. Muitas vezes, os bateristas são muito conectados a suas emoções e isso é uma coisa boa.

Sexto sentido - Não o poder de ver pessoas mortas. Numa boa banda estão todos sempre em sincronia e podem acompanhar se outro membro decide fazer algo não ensaiado, sem o público perceber. Esta espécie de sexto sentido, especialmente uma habilidade precisa em captar sinais leves e consciência de tudo que está acontecendo é algo que seu baterista pode trazer para o seu quarto também. Então, ele vai ser capaz de improvisar com você a noite inteira.

Responsabilidade - OK, então eu sei que a muitos bateristas isso não se aplica nem mesmo remotamente, mas a teoria por trás disso é o relevante. Os bateristas são muitas vezes responsáveis ​​por uma grande quantidade de equipamentos muito caros. Dê uma olhada nos preços na seção de percussão da loja de música mais próxima. Qualquer coisa, mesmo remotamente relacionada à bateria instantaneamente custa mais. Pratos bons geralmente começam em algo em torno de R$ 900, e todos os outros aspectos da bateria são mais ou menos por aí. Mesmo um único par de baquetas geralmente é algo em torno de R$ 20 a R$ 30. Então, a menos que sejam absurdamente ricos, eles têm de ser responsáveis por manter tudo em bom estado e ter certeza de que nada seja roubado. Também têm de estar preparados para qualquer tipo de imprevisto como o rompimento de uma peça. Este sentido de responsabilidade mostra que eles são capazes de lidar com ela em outros aspectos de suas vidas, como em um relacionamento.

Então da próxima vez que você estiver cobiçando alguém da banda, dê ao baterista uma segunda olhada.


Segundo o autor, texto anterior foi uma mensagem de serviço público dos bateristas do mundo e de forma alguma é para incentivá-la a dormir com o autor do artigo, que por acaso toca bateria (algumas pessoas até dizem que ele é bom no que faz), mas se você se interessar ele é solteiro e, provavelmente, não teria um problema com isso.

2 comentários:

  1. Gostei do post, mais não diga pra olhar o baterista, meu amor é eu já morro de ciúmes kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. KKKKKKKK! Meu marido também é! Só olhar, eu deixo. Não curto é aquela parte do texto que fala em pegar "acidentalmente" o braço dele...

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...